Lisboa,

segunda-feira, março 31, 2008

eu sou em verdade

Nesta recta final, a mensagem é a mesma!
Chopra é um autor que toda a gente deve ler. Ele tem o conhecimento capaz de elucidar as mentes mais confusas. De leste a ocidente, são aos milhões aqueles que acreditam nas suas palavras... ou parecem concordar...

"...Tu tens de dizer a verdade quando disseres eu sou. Acho que estás quase preparada", disse Ramana gentilmente.
"Como posso torná-lo verdade?" perguntou Savitri.
"Não é difícil. Quando te sentires feliz, faz introspecção e sente aquela que experiencia a alegria. Quando estiveres triste, faz introspecção e sente quem experiencia a tristeza. São iguais. Há um pequeno ponto imóvel que tudo observa e tudo testemunha. Fica com essa imobilidade sempre que puderes. Observa-a em vez de passares por ela. A familiaridade é o teu maior aliado. Eu sou é o teu ser. Nada há de estranho em ser, simplesmente.

"De início, o pequeno ponto imóvel não será uma grande experiência, no entanto pode crescer sem limites. Quando morreres e finalmente não tiveres nada a que te agarrar, eu sou preencherá todo o universo. Os sábios têm repetido esta verdade constantemente, em todas as épocas. Mas não deves aceitar uma verdade em segunda mão. Descobre o eu sou dentro de ti, e ele expandir-se-à até te preencher. Quando isso acontecer, estarás segura. O teu ser será o mesmo que a tua alma."

(Deepak Chopra in A vida depois da morte)

sábado, março 29, 2008

o fim tão perto

Viajo nas margens do tempo.
Tão perto do início que se vislumbra o final...
Um blogue é um diário submerso em ideias, sugestões, acontecimentos, anseios, promessas, dons ou simples gostos, um mero jeito de fazer ou de inventar.
E acaba por ser um produto que, como qualquer outro, tem um princípio e um fim, inevitáveis.
Uma mensagem nunca deveria perder-se, quando procura ajudar a criar um pensamento mais elevado.
Aconteceu aqui a intenção. A esperança de que isso poderia ser possível.
Para trás, ficou o desejo de ser autêntico e o desejo de evitar fugir a uma verdade. Não à verdade, mas apenas a uma verdade, uma simples verdade, tão legítima como qualquer outra.


sexta-feira, março 28, 2008

nova espiritualidade


O que nós chamamos de "realidade" é uma simples construção mental.
A nossa perspectiva cria a nossa percepção, a nossa percepção cria a nossa crença, a nossa crença cria o nosso comportamento, o nosso comportamento cria a nossa experiência, a nossa experiência cria "realidade" e a nossa "realidade" cria a nossa perspectiva.
É um círculo e uma coisa conduz inevitavelmente à outra.

Muitas pessoas não estão cientes desse círculo, mas aqueles que estão a começar a compreender que tudo nos leva a mudar a nossa realidade colectiva neste planeta, sabem que basta uma simples mudança de perspectiva. É por isso que estou a trabalhar tão arduamente nos últimos anos da minha vida para mudar a mentalidade do mundo sobre Deus, sobre a vida e sobre cada um de nós.

Assim são todos os outros que estão activamente empenhados naquilo que tenho vindo a chamar o Movimento da Nova Espiritualidade.

Buscamos mudar a perspectiva da nossa espécie. Procuramos reescrever a nossa História Cultural. Procuramos oferecer uma nova forma do ser humano e, portanto, mudar a vida para sempre na terra.

Acreditamos que é possível pôr termo à violência como meio de resolução de conflitos. Acreditamos que é possível pôr termo à ganância colectiva como forma de satisfazer os nossos justos desejos para uma vida melhor. Acreditamos que é possível pôr fim à opressão e repressão como meio de governar, de pôr fim ao medo como um meio de motivar as pessoas, e pôr fim ao sofrimento como um aspecto fundamental da condição humana.

Nós escolhemos viver e partilhar a extraordinária Nova Mensagem do Deus de Amanhã. Experienciamos isto como a mensagem do nosso próprio coração.

Não é diferente da mensagem que o seu coração canta de cada vez que olha para dentro do olhar de outra pessoa com amor. Não é diferente da mensagem que o seu coração grita quando vê qualquer sofrimento.

Esta é a mensagem que você traz para o mundo, e que vai deixar com o mundo, quando é o seu Verdadeiro Eu. É a mensagem que eu deixo agora, com você, para que você possa lembrar, uma vez mais, e partilhá-la com todos aqueles cujas vidas você toque.

(Neale Donald Walsch in Newsletter CWG Foundation)

quarta-feira, março 26, 2008

quando caminhas assim

Quando caminhas assim
bem quieta e vigilante
és uma sereia do mar
és uma onda elegante

És cada flor que respiro
és cada folha no ar
és um voo de cada ave
és um rio que cai no mar

És o aroma da terra
és a chuva a gotejar
és um cabelo que afagas
és criança a bulinar

És um coração que fala
és um sorriso que ama
és refeição que cozinhas
és uma amante na cama

És alegria profunda
és profunda em teu amor
és Deus-amor que respira
em todo o Seu esplendor


(Amaral Nascimento)

segunda-feira, março 24, 2008

a escolha

Cada vez que diz “não sei” está a fechar a porta à sua sabedoria interior.
É importante lembrarmo-nos que não é a nossa mente que detém o controlo, somos nós quem controla a mente.
Podemos deixar os velhos pensamentos.
É uma escolha, requer paciência e perseverança.
Imagine os pensamentos como gotas de água.
Um pensamento ou uma gota de água não têm grande peso.
Se repetirmos um pensamento vezes sem conta podemos transformá-lo numa poça de água ou num oceano.
Cada um de nós tem de escolher se quer criar um oceano tóxico ou um oceano límpido.

Quando alguém diz “eu não consigo parar um pensamento”, está a entregar o seu poder à mente.
Todos podemos mudar os nossos pensamentos.
Quantas vezes recusámos desenvolver um pensamento positivo?
Nesse momento, parámos um pensamento!
É uma escolha.
Parar os pensamentos negativos é uma decisão que cada um pode tomar.
A sua força está em aceitar que você é o único responsável pela sua vida.
Pode parecer assustador mas na realidade é o que somos, quer o aceitemos ou não.
E as palavras que pensamos ou dizemos são parte dessa responsabilidade.

Foi no blogue Voar com os pés na terra que li este texto.

domingo, março 23, 2008

o que Deus quer que tu saibas - 4

Neste dia da sua vida, caro amigo, Deus quer que você saiba ...

... Que os problemas de dinheiro podem evaporar-se no piscar de um olho,
e será assim eternamente.


Eu sei, eu sei ... por vezes não parece que assim seja, mas a verdade é esta, você tem sempre tudo o que precisa, aqui mesmo, agora mesmo.

Sabe como é que eu sei?
Você está aqui ainda. Se você não tivesse recebido sempre aquilo de que precisa, você não estaria aqui.

Agora, tudo o que é necessário é que você compreenda isto profundamente.
Então, pare de se preocupar. Você está bem. Espere e observe.
Ou melhor ainda, não espere por nada. Experiencie este momento.
E lembre-se disso quando as coisas não parecem tão bem
(na sua imaginação).

Você já sabe o motivo por que este lembrete particular
chegou hoje até si ...

Com amor, seu amigo
Neale



sábado, março 22, 2008

o que Deus quer que tu saibas - 3

Neste dia da tua vida, caro amigo, Deus quer que tu saibas ...

... Que a Vida está do teu lado, que vives num universo amigo,
e todos irão trabalhar em conjunto no final.

Podes estar a enfrentar um desafio, neste momento, ou talvez a debater uma questão importante na tua vida, mas não estás a enfrentar tudo isso sozinho.
Podes pedir a Deus uma ajuda. Sim, tu também, podes ter uma conversa com Deus. Prometo que isso é possível.

Basta respirares fundo, agora mesmo, e pedir a Deus que te diga exactamente o que precisas de ouvir.

E depois ... ouvir. Cuidadosamente.

Já sabes o motivo por que este lembrete particular
chegou hoje até ti ...

Com amor, teu amigo
Neale



sexta-feira, março 21, 2008

o que Deus quer que tu saibas - 2

Neste dia da tua vida, caro amigo, Deus quer que você saiba...

... Que você é um puro filho de Deus, belo na sua inocência - e
isso é verdade, não importa o que você possa ter feito.


Não há qualquer ofensa que possa ter cometido que vá roubar a magnificência ou a maravilha de quem você é. Gosh, o drama de Eliot Spitzer, trouxe um monte de coisas para todos nós, não é? Pois, quem entre nós não tropeçou já no caminho, não traiu alguém, não actuou imprudentemente, não caíu em tentação?

Todos nós somos humanos. E aos olhos de Deus isso faz-nos perfeitos.
Realmente. Exactamente, da maneira como somos.

Por vezes estamos confundidos. E Deus ama-nos assim mesmo. Imensamente. Completamente. Eternamente.

Assim, da maneira como somos.

Ah, e a propósito, você já sabe a razão por que este lembrete particular chegou hoje para você...

Com amor, seu amigo
Neale

quinta-feira, março 20, 2008

o que Deus quer que tu saibas - 1

Neste dia da tua vida, o Querido Amigo Deus quer que tu saibas ...

... Que a vida de todos é animada por uma única fantástica energia, que é a essência de tudo o que é - inclusivamente tu.

Não é surpreendente? Agora, porque ESSA ESSENCIA é quem tu és
e aquilo de que és feito, não pode, evidentemente, deixar-te nunca.

Talvez não tão obviamente, também pode ser extremamente útil.

Pode trazer-te paz em momentos de stress,
força em momentos de fraqueza,
coragem em momentos de medo,
sabedoria em momentos de confusão,
perdão em momentos de raiva,
e amor em todos os momentos da tua vida.

Tudo o que tens a fazer é saber que isso é verdade,
e tornar-se-à verdade para ti, neste momento.

Penso que é extraordinário, não é?

Já sabes o motivo
por que este particular lembrete
chegou hoje até ti ...

Teu amigo
Neale


quarta-feira, março 19, 2008

dia do pai


Ouvi
que hoje
é dia do pai.

Que pai?
Que dia?

Que paredes se fecharam?
Que barreiras se estenderam?
Que fronteiras se baniram?

Hoje é o dia
de um outro dia.

Amassado
fermentado
cozido
no lume
de toda a vida.

Hoje é o dia
de todos os dias.

O dia da espera
O dia do esquecimento
O dia do abandono
O dia
que o amigo do lado
guardou,
esperando
o filho que o deixou
naquele lugar.

Hoje é o dia
do lembrar
do aceitar
do abrir as mãos...

Também
o dia de fechar os olhos
e respirar...

(Amaral Nascimento)

domingo, março 16, 2008

deixa comigo


Está mais avançado, mais evoluído, mais "espiritualizado", quem já fez cursos, quem fez meditações, quem foi à Alexandra conectar-se ou quem já foi a um Pai de Santo?
Será que o amigo que tantas vezes sinto a meu lado é um imaginário burlão do meu eu?
Será que já não posso mais sentir-Te naquelas árvores bonitas do jardim, quando me envolves no banco onde me sento a ler?
Será que já não posso repousar na Tua confiança? Já não tenho mais a Tua amizade? Nem quando me "dizes" : DEIXA COMIGO? Nem quando Te peço para "tocares" em A ou B?
Nem sequer quando, inconscientemente, algo sucede de maravilhoso, e o instante seguinte "simplesmente mostra" que estiveste ali?...
Será que não posso continuar a "ver-Te" na simplicidade das coisas simples? Ou que não possa continuar a descobrir-Te nas respostas às minhas fraquezas?
Será que o meu Deus é um Deus menor?...

Deixa-me dizer-Te: Quero continuar a ler e a estudar, porque Te encontro nas minhas dúvidas! Quero voltar a ouvir aquela canção que ontem escutei, porque Te expuseste e me extasiaste! Quero ver de novo aquele filme que tanto me emocionou e deu vida aos sentimentos que são a Tua linguagem! Quero olhar a Tua face nas águas do mar, e no esplendor da floresta e no bravio da montanha! Quero escrever para Te sentir, quero jogar e divertir, quero rir!
Quero Ser para Te dar, porque sou manifestação de Ti!

sexta-feira, março 14, 2008

mas não sei


Um dia vou ver o céu
do alto dum Sol gigante
sei que vou ser
mas não sei
vou receber o que é meu
noutra casa lá distante

Voando em verdes prados
dei passadas noutro mundo
sei que sou luz
mas não sei
ouvi Deus em sons dourados
meu nome chamar ao fundo

Um dia no Céu vou estar
num túnel de amor sem fim
sei que vou estar
mas não sei
onde cabe a voz do mar
cabem os mares de mim

(Amaral Nascimento)

quarta-feira, março 12, 2008

a tua vida

No livro que tenho à minha frente, leio assim na página 30:

"O que é verdade acerca da vida em geral, é verdade acerca da tua vida. Não poderás construir nada de sólido se não confiares nela. Tens de acreditar com todas as tuas forças que essa vida... A TUA VIDA, lá muito no fundo dela própria, também ela, É BELA."


segunda-feira, março 10, 2008

cinco minutos

Fui buscar este vídeo ao blogue eridanis.
Simplesmente, porque acho que ele deveria ser divulgado pelos milhões de blogues que existem por todo o mundo.



"A criança que calou em mundo em 5 minutos"

video

sábado, março 08, 2008

o grito







Levei meses a ouvir "O grito", dos Polo Norte. Estes versos, sabia-os (sei-os) de cor.

"Há alturas na vida, em que se sente o pior…
E ao olhar para trás, pensar no que aconteceu…
E salta a fúria em nós... mostrar que está revoltado…
À espera , o tempo a passar, a desesperar…
E é nestas alturas... sou eu mesmo que o digo
Repensamos na falta que nos faz um amigo..."

As lágrimas caíram-me, vezes sem conta, pela cara abaixo, sempre que ouvia estes versos.
Mas eu insistia em ouvi-los.
Muitas lágrimas, muitas…
Hoje, poucos anos volvidos, sem que muita coisa se tenha alterado, a não ser a minha forma de encarar a vida, hoje, "estou curado"!
Não quero chorar mais!
Sempre fui o amigo, sempre quis o amigo!
E também cheguei à conclusão que, afinal, Só Eu Sei O Que Eu Quero Para Mim!


sexta-feira, março 07, 2008

animal bravio

A paixão, por vezes, é um animal bravio que nos domina o raciocínio e faz-nos perder a serenidade.
Mas a paixão é arrebatadora e eleva-nos a forma de criar. Amar com paixão oferece-nos a fúria de viver. Mas saber viver essa vida é o grande desafio. Viver aceitando o esperado e o inesperado. Sem nos diminuirmos um milímetro, sabendo ser grandes na aceitação e no enfrentar das situações.


quarta-feira, março 05, 2008

happier than god


Neale Donald Walsch, autor do bestseller mundial "Conversas com Deus", lança o seu novo livro Happier Than Deus - Turn Ordinary Life into an Extraordinary Experience".

Desde a publicação do seu estrondoso "Conversas com Deus" (mais de dois anos e meio sobre a lista New York Times bestseller; agora publicado em 37 idiomas), Walsch tem vindo a dizer aos seus leitores que uma nova compreensão de Deus pode mudar vidas e mudar o Mundo. Agora, neste novo livro, ele expande esse tema, explorando como as pessoas comuns podem trabalhar em colaboração directa com Deus, para transformar a sua vida quotidiana em extraordinárias experiências.

Este não é um livro de teoria espiritual, mas ele oferece um plano que podemos usar para mudar a nossa vida. Incluído no livro está um programa a que Walsch chama "17 Passos para ser Mais Feliz Que Deus". Este é um plano que combina o melhor das verdades conceituais do seu livro-9 da série Conversas com Deus com os novos "Cinco Princípios Primários", e transformar aqueles conceitos em instrumentos práticos com vista a alterar a vida para melhor - indefinidamente.

terça-feira, março 04, 2008

palavra ao poeta



O sentimento não é medível, assim como o amor nunca poderá ser condicionado.
Sentir é próprio da alma. Pensar é próprio da mente.
Gostar (amar) alguém é um direito genuíno. Faz parte da liberdade de cada um. Ninguém (nem lei nenhuma) pode proibir.
Amar é próprio do ser humano, porque faz parte do Ser.
Porque somos feitos de Amor, amamos livremente!

Deixem-me só dizer uma palavra ao poeta: amar só poderá ser uma arma de dois gumes neste mundo relativo. Porquê? Porque "amor" é o tecido de que somos feitos. Só que o ser humano ama "à sua maneira".
Quando percebermos que o amor incondicional é o único "amor verdadeiro", entramos em comunhão imediata com tudo e todos - com o universo inteiro - e, a um outro nível de consciência, o nosso entendimento transforma-se.

segunda-feira, março 03, 2008

compreender Deus


Não podes compreender Deus se estiveres a raciocinar no âmbito dos teus valores, conceitos e entendimentos presentes.
Se desejas compreender Deus, tens de estar na disposição de aceitar que, de facto, tens dados limitados, em vez de afirmares que sabes tudo o que há para saber sobre o assunto.
Chamo-te a atenção para as palavras de Werner Erhard, que declarou que a verdadeira clareza só pode chegar quando alguém está disposto a ver que:

Há algo que não sei, cujo conhecimento podia mudar tudo.

É possível que estejas tanto "a falar com Deus" como "a inventar tudo". Na verdade, eis a verdade mais grandiosa: estás a inventar tudo.
A vida é O Processo pelo qual tudo é criado.
Deus é a energia - a energia pura e primária - a que chamas vida.
Através desta consciencialização chegamos a uma nova verdade.
Deus é um Processo.
...
Eu sou o Ser Supremo. O Supremo, vírgula, a ser.
Não sou o resultado de um processo; sou O Próprio Processo.
Sou o Criador, e sou o Processo pelo qual sou criado.
Tudo o que vês nos céus e na terra sou EU, a ser criado.
O Processo da Criação nunca está terminado. Nunca está completo. Nunca estou "pronto". É outra maneira de dizer que tudo está sempre a mudar. Nada está imóvel.
Nada - nada - está sem movimento.
Tudo é energia, em movimento.

(Neale Walsch in Conversas com Deus-3)
(imagem: "Hand Of God" - escultura by Billy Lamont)

sábado, março 01, 2008

um pai uma filha


O amor de mãe e o amor de pai são sentimentos intocáveis, são sentimentos profundos, são sentimentos que nada nem ninguém pode pôr em dúvida.
Este caso não é um caso isolado.
Muitas vezes acontece um "choque de gerações", um desejo paterno extremado de querer "o melhor para a sua filha", o medo de a perder, o medo de a ver cair em situações melindrosas. Depois, há também aqueles casos da filha continuar (eternamente) a ser "a sua menina"...
Não é fácil tratar uma situação desta natureza.
A Joana poderá (e deverá) ser uma filha extraordinária.
Deverá olhar o seu pai de frente e falar com ele das suas alegrias, das suas tristezas, das suas ideias e do seu futuro. Não vale mentir! Não vale olhares reprovadores!
A sua forma de ser e sentir, como mulher, terá de ser respeitada, e o seu pai vai compreender isso, quando, abertamente, olhos nos olhos, ambos desabafarem o quanto gostam um do outro, e quanto é importante que a vida de cada um conduza à sua própria felicidade.
Porque todo o pai que ama verdadeiramente a sua filha, quer que ela seja feliz e que ela se encontre a ela própria, como ser individual, livre e independente.