Lisboa,

quinta-feira, fevereiro 26, 2009

abre as asas


Abre as asas
e voa

Sobe ao arco-iris
e ri das suas cores

Brinca na luz
canta o olhar
e saltita
por entre as nuvens...

Sei que sentes
e te arrepias
sei que acordas
e te espreguiças
sei que te sinto
rainha
e quando fechas os teus olhos
a recompensa do sonho
vai fazer-te voar
como voa
uma andorinha


(Amaral Nascimento)

11 Comentários:

At fevereiro 26, 2009 12:22 da manhã, Anonymous Anónimo diz...

Sem palavras...
Sabes como encantar!
Sabes como elevar ao estado de magia com palavras ditas docemente, nesse teu silêncio, tão meu também... e como as sinto aqui em mim, arrepias-me...sim!
Sonho, ilusão...desejo sentido e vivido, num "nosso" canto qualquer deste universo imenso!
Beijos meus em ti.

 
At fevereiro 26, 2009 12:38 da manhã, Blogger Conceição Duarte diz...

Seus poemas Amaral, são leves, apaixonantes, soltos, deliciosos. Parece aqueles amores de adolcescentes que nem ainda sabem o que é ciúmes, a cobrança, o medo, e tudo aquilo que acaba estragando uma relação! Delicioso te ler.
Bjus saltitantes...

CON

 
At fevereiro 26, 2009 12:42 da manhã, Blogger Carla Silva e Cunha diz...

gostei do que vi e li
parabens pelo trabalho
boa semana
beijinhos
Carla

 
At fevereiro 26, 2009 10:33 da manhã, Blogger Maria Clarinda diz...

(,,,)Abre as asas
e voa

Sobe ao arco-iris
e ri das suas cores

Brinca na luz
canta o olhar
e saltita
por entre as nuvens...



Mais uma vez por aqui passei momentos deliciosos. Obrigada por isso.
Lindo o poema. Jhs mil

 
At fevereiro 26, 2009 10:47 da manhã, Blogger Melita diz...

LINDO, sem palavras :)

 
At fevereiro 26, 2009 12:02 da tarde, Blogger Laura diz...

Acho que me convenceste e vou experimentar abrir as asas e voar...em pensamento, claro, senão!... Beijinhos amigos. laura.

 
At fevereiro 26, 2009 12:46 da tarde, Blogger Paula Raposo diz...

Nem mais! Voar é mesmo mágico...beijos.

 
At fevereiro 26, 2009 7:34 da tarde, Blogger Jonice diz...

Um poema. Um suspiro profundo. Não é apenas sua beleza que me toca, Amaral. Mas seu sentido todo traduz tão exatamente coisas que sinto e vivo num relacionamento muito caro e importante para mim. Ah como é bom quando um amigo diz coisas tão lindas de sua vida e elas também se aplicam à vida de quem as lê. Acho que empatamos, querido, porque tu também queres partir-me o coração assim. :)

 
At fevereiro 26, 2009 8:58 da tarde, Blogger Poemas e Cotidiano diz...

Que coisa mais linda, Amaral!
Visualizei a cena...e senti o sentimento!
Beijos meu querido amigo
MARY

 
At fevereiro 26, 2009 11:22 da tarde, Anonymous Ana Paula diz...

Olá Amaral.
Este teu apelo, faz sentir-nos a força do amor, do teu desejo e sentir...
Dizes ---"...sei que te sinto..."--- a magia do amor é assim, não se vê, sente-se!!!
Parabéns, as tuas palavras são profundas.
Contagia-nos!!
Beijos, fica bem.

 
At fevereiro 27, 2009 8:51 da manhã, Blogger © Piedade Araújo Sol diz...

é isso!

eu tambem vou voar, nem que seja nas asas da minha imaginaçao.

beij

 

Enviar um comentário

<< Home