Lisboa,

sexta-feira, fevereiro 20, 2009

o mistério


A vida está cheia de mistérios.
Eles são-nos revelados na vivência de cada dia e nos sonhos que lembramos ou esquecemos ao acordar.
Não sei qual o mistério maior.
Não sei qual o mistério mais assustador.
Quase não sei ao que vou nem ao que vim.
Não sei o tempo que resta nem o sentir do outro que me espera.
Até a pessoa mais confiante se sente um pouco insegura.
Estamos cheios de impulsos contraditórios nesta busca inquieta e permanente.
A vida está cheia de mistérios. Mas, também, tudo nesta vida se encontra permanentemente em mutação.


7 Comentários:

At fevereiro 20, 2009 12:30 da manhã, Anonymous Ana Paula diz...

"A vida está cheia de mistérios."
É Amaral, está mesmo...e como não sorrir, quando nos deparamos com toda esta magia?!
É bom sentir que não detemos o tempo, o agora, o espaço e aquele alguém que nos protege, muitas vezes sem o sabermos.
Beijinho e boa noite. Fica bem.

 
At fevereiro 20, 2009 1:58 da manhã, Blogger Ana diz...

Apesar dos mistérios que a vida contém, temos de a aceitar tal como ela se mostra, sabendo que cada coisa tem a sua razão de ser. Um dia vamos descobrir.
Um beijo, Amaral.

 
At fevereiro 20, 2009 10:38 da manhã, Blogger Paula Raposo diz...

A pouco e pouco os mistérios vão-se compreendendo. Beijos e bom fim de semana, Amaral.

 
At fevereiro 20, 2009 11:49 da manhã, Blogger Melita diz...

Mistério ...
Mas a vida pode ser bela ...mesmo com mistérios :)
Isto hoje não está propriamente a fazer sentido mas...
bjitoooooo

 
At fevereiro 20, 2009 4:39 da tarde, Blogger Jonice diz...

Tantos dias sem ler-te e hoje saio daqui banhada em coisas boas, em alto astral. Obrigada, amigo!
Beijo :)

 
At fevereiro 20, 2009 8:31 da tarde, Blogger Parapeito diz...

....A vida......e a morte tambem...

Um fim de semana "cheio de mistérios" *****

 
At fevereiro 21, 2009 4:03 da tarde, Blogger Je Vois la Vie en Vert diz...

Os mistérios fazem parte da vida.

Porque querer explicar tudo ?

Nem nós, às vezes, sabemos explicar as nossa reacções.

Vivo muito mais serenamente não querendo explicações para tudo.

Beijinhos verdinhos

 

Enviar um comentário

<< Home