Lisboa,

quinta-feira, março 26, 2009

fases menos boas


A vida tem os seus pontos baixos, e isso é natural. Não é suposto os seres humanos serem sempre pessoas felizes e sorridentes. Se isto acontecesse, o mundo estaria cheio de trivialidades patéticas e artificiais. Por vezes, esses pontos baixos duram mais tempo do que gostaria. Por vezes, são inconvenientes. Mas, por vezes, há uma razão para eles existirem.
Pode haver alguma coisa que você tem que enfrentar ou compreender. Pode ser insensato ou pouco saudável, para si abandonar esse estado de espírito negativo sem ter lidado com o que precisa de lidar. Os sedativos químicos, ou antidepressivos e as drogas que alteram o humor podem fazer mais mal do que bem se "estabilizarem" as pessoas e as interromperem a meio de um processo de transição cuja saída elas têm que batalhar para encontrar.

As pessoas que sofrem de desespero, depressão, frustração, medo, ansiedade, pânico e confusão podem, em muitos casos, estar simplesmente aprisionadas algures no seu próprio processo de pedido cósmico e precisar apenas de pedir um pouco mais de ajuda ao seu anjo da guarda.
Independentemente da forma como nos relacionamos, da profundidade e intensidade da nossa relação, existirão momentos em que achará a sua vida muito, muito difícil. Nessas alturas, lembre-se, por favor, que a juventude das pessoas depende de se sentirem jovens, que a sua pobreza advém do seu pessimismo... e que a sua sensação de impotência provém do seu orgulho. São ideias feitas, sim, mas são verdadeiras.
Apesar de ser importante não ficar demasiado desesperado com nada - ou com ninguém - também é importante lembrar-se que alguns sonhos dão muito trabalho a concretizar. Se quer que eles se tornem realidade, pode ter que passar antes por uma fase em que os deseja muito e teme nunca chegar a concretizá-los.

(Jonathan Cainer in Encomendas ao cosmos)

10 Comentários:

At março 26, 2009 2:34 da manhã, Anonymous Ana Paula diz...

Amaral...
Fixei-me no último paragrafo, detém uma grande verdade.
Eu sei, eu sinto e eu vivo.
Beijos com muito carinho.

 
At março 26, 2009 3:17 da tarde, Blogger ...HOJE.SOU.A.PAULA diz...

Mexeu comigo Amaral!!!

Saudades Amigo.

Beijo-te com Ternura.

Paula

 
At março 26, 2009 4:34 da tarde, Blogger Secreta diz...

Todos nós passamos por fases complicadas na nossa vida. Mais complicado é quando essas fases menos boas , teimam em não passar...
Beijito.

 
At março 26, 2009 6:29 da tarde, Blogger Paula Raposo diz...

Mais um excelente post, Amaral. Concordo inteiramente. Beijos.

 
At março 26, 2009 6:29 da tarde, Anonymous entremares diz...

Desejar a menos, pode ser o principio de uma vida sem sentido.

Desejar a mais, pode ser o principio de uma vida de eterna insatisfação.

Nem tudo é realizável.
Nem tudo é alcançável.
Mas tudo é possível.

Às vezes, basta olhar as coisas por um ângulo diferente.

 
At março 26, 2009 6:59 da tarde, Blogger Brisa do Mar diz...

Quando se fecha uma porta, abre-se uma janela, não é assim?
Por muito que custe a passar, sempre se tira uma boa lição.
O universo conspira sempre a nosso favor...
Bj e Fica Bem!

 
At março 26, 2009 10:21 da tarde, Blogger VC diz...

Realmente é verdade... Obrigada pelas suas palavras.
Abraço

 
At março 27, 2009 4:58 da tarde, Blogger Siala ap Maeve diz...

No dia em realmente percebermos que somos Deuses em desenvolvimento, que arde em nós a chama divina, no dia em compreendermos que escolhemos vir cá para aprender, que escolhemos as nossas provas, que elas contêm em si a solução...no dia em que o Sol brilhar todos os momentos dentro de nós e não só fora...nesse dia talvez consigamos superar os pontos menos bons com um sorrizo nos lábios e a expectativa quase infantil da descoberta da solução...porque ela existe...Se estamos cá é porque somos capazes. Nesse dia, talvez nos lembremos de agradecer cada dia, em vez de só nos lembrarmos que algo existe quando tudo corre mal...para pedir ou exigir.
Nesse dia...nada poderá apagar o nosso Sol.
Um beijo no coração!

 
At março 29, 2009 4:57 da tarde, Blogger Eli diz...

No entanto, para isso, precisamos de usar a nossa coragem para dar um passo e outro e outro...

Sei bem que estar deprimido é permanecer num lugar muito cómodo. Não é fácil manter o ânimo por vezes!

É interessante ler estes textos!

:)

 
At abril 06, 2009 1:54 da tarde, Blogger Su diz...

assim eu.....

jocas maradas

 

Enviar um comentário

<< Home