Lisboa,

terça-feira, março 24, 2009

When Everything Changes...


O novo livro de Neale Walsch fala do entendimento de que tudo é uma demonstração da emoção chamada Amor.
Simples, não é? E assim vemos, com impecável lógica, que o medo e amor são a mesma coisa, expressa de forma diferente.
Da mesma forma, todos as outras emoções são o amor sob outra forma.
Existe apenas uma emoção.
Essa emoção é Amor, expressa em milhares de maneiras diferentes...
Promete, este ("When Everything Changes, Change Everything") novo trabalho do autor de "Conversas com Deus" que, em breve, será lançado nos Estados Unidos.
"Se não te amasses a ti mesmo, não receavas por ti, não irias ter medo de nada, porque não importaria o que acontecesse contigo. Nem terias mesmo qualquer cuidado em sobreviver. O "instinto de sobrevivência" é a forma natural de expressares o amor.
Se você não amasse o seu semelhante, não receava por ele nem teria medo do que pudesse acontecer-lhe, porque você não se importaria com o que estivesse a suceder."


8 Comentários:

At março 24, 2009 12:25 da manhã, Anonymous Ana Paula diz...

Olá Amaral.
Interessante esta visão abrangente sobre a emoção chamada Amor.
..."Da mesma forma, todos as outras emoções são o amor sob outra forma."...
É interessante, deveras.
Vou meditar....e depois contemplar o meu pensamento, algo me irá ocorrer, pois acho que tb não concordo na totalidade.... contudo, tenho que explanar esta teoria.
Mil beijinhos de boa noite.
Adorei....

 
At março 24, 2009 2:29 da manhã, Blogger Maria Valadas diz...

Um tema para deixar- me a meditar, cujo argumento é o amor.

Como sempre, em poesia ou em prosa, fico maravilhada em ler-te, oh doce poeta!

Beijos.

 
At março 24, 2009 3:02 da manhã, Blogger Conceição Duarte diz...

O amor é o sentimento que nos causa maior emoção. Por eles trememos de amor, de medo, de prazer.
Lindo!

um beijo, con

 
At março 24, 2009 9:04 da manhã, Blogger Maria Clarinda diz...

E como vou querer ler esse livro. Com as tuas palavras ficou o cheirinho!Maravilha!
Jinhos mil

 
At março 24, 2009 9:58 da manhã, Blogger Carla diz...

uma visão interessante sobre o que pode ser o amor...na verdade um sentimento tão intenso que pode ter mais do que uma vertente
beijos

 
At março 24, 2009 11:07 da manhã, Blogger Brisa do Mar diz...

Entre medos, lamentos, esperanças, fica o que realmente importa:
o refúgio de todos os sentidos; a razão de tudo; o Amor...
Estou de acordo que todas as emoções estão sempre de certa forma ligadas a esse sentimento poderoso.
Fica bem, bj!

 
At março 24, 2009 11:30 da manhã, Blogger Paula Raposo diz...

Pois basicamente é isso mesmo. Beijos.

 
At março 25, 2009 11:38 da manhã, Blogger Poemas e Cotidiano diz...

Oi meu querido Amaral!
Primeiro quero lhe dizer que essa musica do seu Blog me traz sempre uma paz tao grande, e um aconchego tao gostoso.
Olha , eu adoro o Neale, e coincidentemente eu assinei online ha tempos atras algumas palavras que ele manda para o seu email todos os dias. Sao lindas, cheias de sabedoria.
Sou fa dele.
Aqui vai a palavra que recebi hoje:
============================
On this day of your life, Maria, I believe God wants you to know...
...that insights come to you and through you. Wisdom does not flow only one way.
You may not have thought of yourself as a source of
Divine Wisdom, but you are--and before this very week is out someone will be relying on you for just that.
When that moment comes, I am sure you will be ready.
If you were not, the moment would not come. Therefore, trust the process--and yourself.
=========================
Um beijo meu querido amigo!
MARY

 

Enviar um comentário

<< Home