Lisboa,

terça-feira, abril 07, 2009

gemi no teu corpo

Deslizando no teu corpo
acordei a ferida
que me fez sentir-te
minha

Escorri-me nas tuas veias
quentes
e quando soluçaste
gemi leve no teu
colo

Bebi a curva do teu peito
e no acordar
suguei estuando
o paraíso dum corpo
jardim da vida
renascida



(Amaral Nascimento)

9 Comentários:

At abril 07, 2009 1:28 da manhã, Anonymous Ana Paula diz...

Apaixonante, este teu sentir, sentido.
Fechando-se os olhos, quase se percebe o estremecer...
Lindo Amaral, demais.
Beijo

 
At abril 07, 2009 1:30 da manhã, Blogger Paula Raposo diz...

Muito sensual...o que a combinar com o meu 'predador' de hoje, não existe grande futuro! Beijos.

 
At abril 07, 2009 1:38 da manhã, Blogger frAgMenTUS diz...

de uma sensualidade doce...delicado...gostei!

 
At abril 07, 2009 1:39 da manhã, Blogger frAgMenTUS diz...

Este comentário foi removido pelo autor.

 
At abril 07, 2009 2:27 da manhã, Blogger MARCOS LEITE(POETA D'ALMA) diz...

lindas palavras...tão profundas é apaixonantes!
amigho,continue assim!


tenha uma boa noite!

 
At abril 07, 2009 10:45 da manhã, Blogger Secreta diz...

Intenso , quente , apaixonado ... :)
Um beijito.

 
At abril 07, 2009 10:56 da manhã, Blogger Maria Clarinda diz...

Maravilha!!!Sensual qb.intenso qb.
Parabéns.
Jinhos

 
At abril 07, 2009 11:01 da manhã, Blogger Brisa do Mar diz...

E o Amor acontece, em todo o seu explendor no jardim da Vida!
Bj e fica bem!

 
At abril 08, 2009 5:17 da tarde, Blogger © Piedade Araújo Sol diz...

muito sensual, e quase uma declaraçao de amor.

beij

 

Enviar um comentário

<< Home