Lisboa,

sábado, abril 04, 2009

voar... voar


Nessas asas emprestadas
em tuas cores difusas
nas palavras sublinhadas
belas, doces mas confusas

Nos teus braços que me embalam
nos teus cheiros que me tocam
carícias brandas que falam
das loucuras que evocam

Num desejo que não virá
Vou voar nesse teu sonho
sei que impossível será
mas é tudo o que disponho

Antes mesmo do anoitecer
vou construí-lo sem dôr
barrado de bem-fazer
será só um sonho de amor

Porque quero que seja nosso
ainda que sem esperança
vou versando enquanto posso
enquanto fôr esta criança


(Amaral Nascimento)

10 Comentários:

At abril 04, 2009 1:43 da manhã, Blogger frAgMenTUS diz...

um sonho de amor merece sempre ser vivido, ainda q por força da poesia e, como ela é mágica, repleta de uma paleta de cores, pode então tornar possível o que parece ser impossível...
bons sonhos, nesta madrugada
(esta música, sempre tão linda)
bj luz e paz

 
At abril 04, 2009 1:50 da manhã, Blogger Maria Valadas diz...

Uma cascata de pérolas, transformadas num poema magnifico.

Gosto do teu versejar... sublime!

Beijos.

 
At abril 04, 2009 2:35 da manhã, Blogger Conceição Duarte diz...

Maravilha Amaral, enquanto fores uma criança, vc vai versando! Que bom para nós, que podemos te ler. Um grande beijo e o desejo de uma ótima semana. CON

 
At abril 04, 2009 7:29 da manhã, Blogger Laura diz...

Que possamos ter sempre, almas e corações de crianças, é que ali existe pureza de sentir e de amar...Beijinhos de um dia bom..laura.

 
At abril 04, 2009 12:54 da tarde, Anonymous Ana Paula diz...

Olá Amaral..
Ternas palavras, doces sentidos e muita imaginação de sonhos e amores pelo coração de criança.
Onde vais tu buscar essa inspiração?
Por quais olhos vês esse bailado sereno de impossiveis que se realizam na tua mente...
Nossa, está lindo demais!!!
...
Nessas asas emprestadas
em tuas cores difusas
nas palavras sublinhadas
belas, doces mas confusas

Nos teus braços que me embalam
nos teus cheiros que me tocam
...
Vou voar nesse teu sonho
...
vou construí-lo sem dôr
...
será só um sonho de amor
...
Porque quero que seja nosso
...
Palavras mágicas que nos fazem tb desejar esse sonho.
Mil beijos poeta.

 
At abril 04, 2009 1:38 da tarde, Blogger Ana diz...

Voar com as asas que o sonho dá, com alma de criança, com palavras de poeta.
Um beijo, Amaral, e um bom fim de semana.

 
At abril 04, 2009 6:21 da tarde, Blogger alice diz...

só quando se é criança, o que pode ser-se ao escrever, se voa :) um grande beijinho, amaral. e bom fim de semana.

 
At abril 05, 2009 7:16 da tarde, Blogger vida de vidro diz...

guarda em ti então esse espírito de criança, para poderes escrever assim. **

 
At abril 05, 2009 8:39 da tarde, Blogger Poemas e Cotidiano diz...

Amaral querido: Assim que o vejo, sempre como uma crianca, de sentimentos puros, e alma aberta.
Um beijo carinhoso
MARY

 
At abril 06, 2009 9:49 da manhã, Blogger Paula Raposo diz...

O espírito de criança é esse que nos permite sonhar e realizar o que sonhamos...gostei de te ler. Beijos.

 

Enviar um comentário

<< Home