Lisboa,

sexta-feira, maio 15, 2009

um dia

Um dia
algures
não importa o tempo
o espaço temporal
ao qual damos o nome de possível....

Um dia
algures
estará lá o tempo
e o espaço
para nos cruzarmos
uma outra vez...

Um dia...

7 Comentários:

At maio 15, 2009 5:17 da tarde, Anonymous Ana Paula diz...

Olá Amaral.
Um talvez com desejo, sempre se concretizará!
Os anjos conspirarão para que esse encontro se realize...um dia!
Mil beijinhos de carinho.

 
At maio 15, 2009 9:26 da tarde, Blogger Angel of Light diz...

Olá Amaral!

Um dia... perceberemos que nem o tempo, nem o espaço existem... Só mesmo na condição terrena...

Gostei do poema!

Beijinhos de Amor e Luz!

 
At maio 15, 2009 9:30 da tarde, Blogger alice diz...

e hoje foi o dia de finalmente o poder visitar, querido amaral. tenho tido cada vez menos tempo para a leitura e para a net. mas é com agrado que lhe deixo um beijo e os meus votos de um bom fim de semana.

 
At maio 16, 2009 1:07 da manhã, Blogger Jonice diz...

Um coração que percebe tal reencontro vê as coisas com a clareza que elas realmente têm. É um coração que bate em total harmonia com a alma.
Have a sweet nice weekend, dear :)
Beijo

 
At maio 16, 2009 4:49 da tarde, Blogger Paula Raposo diz...

Quero acreditar que sim. Beijos.

 
At maio 16, 2009 5:25 da tarde, Blogger Conceição Duarte diz...

Algures, meu amigão!

 
At maio 16, 2009 8:32 da tarde, Blogger Papoila diz...

O meu algures .. é aqui. É aqui nestes espaços que não determinamos que o meu caminho se cruza contigo.
Aqui .. Gosto.

Beijo
BF

 

Enviar um comentário

<< Home