Lisboa,

quinta-feira, julho 30, 2009

sopravam ondas nos céus

Se o querer me faz querer-te
num teu beijo tão sublime
e se o medo já se perde
numa só quadra que rime

Se o respirar da tua pele
nos dá o ar que nos guia
e se a vontade do desejo
mais do que um sonho é magia

Se o amor não tem idades
quando a paixão é carinho
e se te entregas por inteiro
dentro de mim tão sozinho

Se em nós dois o tempo pára
e nos olha em sonho a cores
e se um punhal rasgasse o céu
e nos trouxesse em mil andores

Então a roda da vida
rodava tudo de vez
trazia a morte rendida
a tudo o que Deus fez
sopravam ondas nos céus
cantavam anjos no mar
soprava um som na voz de Deus
convidando-nos a amar

(Amaral Nascimento)



4 Comentários:

At julho 30, 2009 9:30 da manhã, Blogger prAia em Mim diz...

maravilhoso!!!:)

dia feliz, bj

 
At julho 30, 2009 2:02 da tarde, Blogger Paula Raposo diz...

Se...bonito o teu sonho, Amaral. Beijos.

 
At julho 31, 2009 12:21 da manhã, Anonymous Ana Paula diz...

Sereno e tranquilo sentir..!
Memorável e intemporal.
Adorei!
Beijos amigo lindo!

 
At agosto 01, 2009 4:24 da tarde, Blogger Cláudia diz...

Amei!

 

Enviar um comentário

<< Home